Pages

quarta-feira, 6 de julho de 2011

Inverno ou Inferno?

imagem do site: http://www.gifsdahora.com.br
Para mim o inverno é o meu inferno... INFERNAL!!! Existem pessoas que nasceram para viver no frio, no freezer... mas existem pessoas que assim como eu...nasceram para viver numa temperatura ambiente, adequada para sobreviver de modo natural e feliz! Mas para a maioria das pessoas, pelo menos é que o que esta parecendo agora,  a felicidade climaticamente falando, depende da temperatura abaixo de 10º C, mas gente sem nenhum tipo de discrimanação hein! Mas tenho dificuldade em entender prazer desse frio intenso... Dizem que os gordinhos(as) não sentem tanto frio... seria isso por conta da gordura acumulada? dizem que sim... mas acho que depende do quanto você consome de gordura, açúcar, etc...(quero dizer todas essas coisas pra lá de engordativas... mas são MARAVILHOSAS!)... Não estou dizendo que todas as pessoas são assim, digo os mais gordinhos... e eu conheço um gordinho que  pode estar geando... 5º C... assim bem freezer sabe? e ele acha que ta só fresquinho!!! então chego a conclusão definitiva que os mais gordinhos não sentem tanto frio mesmo! 
Então o jeito pessoal é consumir comidas, chocolates, café, feijoada... nossa que fome! e ficar na hibernação aguardando o inverno passar... isso para quem curte um calorzinho, assim como eu!
Mas o sol, faz uma diferença em nossas vidas! Não estou dizendo alto verão, não.... uma temperatura amena, solzinho... e ai todo mundo sai de casa feliz, passeando... a luminosidade é vida! mas enquanto isso só resta mesmo esperar setembro chegar! e Bom freezer.. ops... bom frio a todos!

kisses... bye... bye

Eli

Um blog onde se fala de tudo...

Meu outro Blog

Meu outro Blog
Conexão Mística

Curta a minha página ELTON JOHN FOREVER!!! no Facebook

Discordância sexual ou diversidade emocional?

Discordância sexual ou diversidade emocional?
Não necessariamente nesta ordem...

Minha verdade

Photobucket O veneno da minha verdade... escorre pela minha alma como um ácido... me fazendo prisioneira dos meus sentimentos... das suas verdades... morrendo a cada dia pela incerteza de uma salvação... O veneno da minha verdade escorrendo... sempre... sempre... Dor infinita... no meu coração! Eli