Pages

segunda-feira, 2 de novembro de 2009

Idade da Loba

 
O que é estar na idade da loba? é quando a mulher completa 40 anos... e esta numa fase segura de si, com certezas que não existiam antes, com uma certa estabilidade em sua vida,  onde a maturidade fez dela uma mulher além de tudo bonita, pois essa maturidade exterioriza a beleza da experiência de vida... onde sua sexualidade está mais aflorada do que nunca e nessa idade conhecemos muitos segredos que a vida nos mostrou, nos ensinou. Eu estou na idade da loba... com 45 anos, me sentindo muito melhor do que antes,  muito ligada em tudo que acontece, e a maturidade me faz entender e olhar muitas coisas com outros olhos... posso dizer olhos de loba? rsrs não resisti... é isso... Estar bem, se cuidar é essencial... é necessário... principalmente para a mulher... com toda certeza. Eu como sou uma loba...rs.. sou do tempo que não curtia homem muito arrumadinho, tipo esses que pintam cabelo, plásticas, sombrancelha... aaii não.. não... homem tem outra essência! Sou uma loba preconceituosa? não... apenas vejo e sinto de outra forma. Sou a favor de que todos devam se cuidar... mas alguns homens cometem excessos imperdoáveis... que para o conceito de beleza do mundo de hoje, algumas meninas gostam... Mas voltando ao foco...
Então é isso ai... sejam lobas... na vida, no trabalho... com os homens... e sintam-se  as lobas mais belas e sejam felizes.. curtam muito esse momento... sejam femininas... delicadas...uma loba na hora certa e frágeis na hora certa...

kisses... bye... bye..

Eli

Um blog onde se fala de tudo...

Meu outro Blog

Meu outro Blog
Conexão Mística

Curta a minha página ELTON JOHN FOREVER!!! no Facebook

Discordância sexual ou diversidade emocional?

Discordância sexual ou diversidade emocional?
Não necessariamente nesta ordem...

Minha verdade

Photobucket O veneno da minha verdade... escorre pela minha alma como um ácido... me fazendo prisioneira dos meus sentimentos... das suas verdades... morrendo a cada dia pela incerteza de uma salvação... O veneno da minha verdade escorrendo... sempre... sempre... Dor infinita... no meu coração! Eli