Pages

terça-feira, 29 de setembro de 2009

Estagnar, reinventar... sabe-se lá!


As vezes tenho a sensação que minha vida está numa estagnação total! É estranho... vou para o trabalho, volto e fico por aqui... tentando me reinventar... isso essa é a palavra, estou tentando me reinventar, como se isso fosse possível!! Não quero dizer que não goste de mim, não é isso... eu até que me curto, dou risada de mim mesma rs... nada contra a minha pessoa, já tive momentos de revolta... mas isso foi no tempo que ser revoltada era moda, era legal....rs hoje o lance é estar em harmonia consigo mesma. O reinventar que eu falo, é fazer algo diferente, mas acabo não fazendo porque o tempo de lazer que temos para nós num período de 24 horas é quase nulo, infelizmente... Então sendo assim, eu exteriorizo minha revolta, minha vontade de reinventar na escrita... isso... aqui mesmo no Monólogo da Eli, certo?
Mas mesmo assim... essa sensação de estagnação me acompanha... fico pensando por que tantas coisas aconteciam antes? por que namorava tanto antes a ponto de não saber de quem eu gostava? rsrsrs.. isso já aconteceu... acabei perdendo os dois..rsrs revolta geral!
Sendo bem racional, talvez eu não esteja dando algumas chances que deveria me dar... talvez! Mas talvez também seja somente uma fase... um momento que tenho que passar... ou talvez nada seja... apenas a minha cabeça querendo pensar mais do que deve...
Estagnar jamais... Florescer... sim.... eternamente...

kisses... bye... bye

Eli



Um blog onde se fala de tudo...

Meu outro Blog

Meu outro Blog
Conexão Mística

Curta a minha página ELTON JOHN FOREVER!!! no Facebook

Discordância sexual ou diversidade emocional?

Discordância sexual ou diversidade emocional?
Não necessariamente nesta ordem...

Minha verdade

Photobucket O veneno da minha verdade... escorre pela minha alma como um ácido... me fazendo prisioneira dos meus sentimentos... das suas verdades... morrendo a cada dia pela incerteza de uma salvação... O veneno da minha verdade escorrendo... sempre... sempre... Dor infinita... no meu coração! Eli