Pages

sábado, 19 de setembro de 2009

Poema: Dor de amor...



Uma dor de amor

é como uma chama que se apagou...

Ainda está quente...

Ainda derrete a cera da vela...

A sua essência é a

nostalgia...

o tempo...

são recordações...

Uma dor de amor...

Estará sempre latente em nossa alma...

Uma cicatriz...

que poderá sangrar

no momento em que deixarmos

de sepultar a verdade

em nosso coração...
 
Eli

Um blog onde se fala de tudo...

Meu outro Blog

Meu outro Blog
Conexão Mística

Curta a minha página ELTON JOHN FOREVER!!! no Facebook

Discordância sexual ou diversidade emocional?

Discordância sexual ou diversidade emocional?
Não necessariamente nesta ordem...

Minha verdade

Photobucket O veneno da minha verdade... escorre pela minha alma como um ácido... me fazendo prisioneira dos meus sentimentos... das suas verdades... morrendo a cada dia pela incerteza de uma salvação... O veneno da minha verdade escorrendo... sempre... sempre... Dor infinita... no meu coração! Eli